É difícil de resistir àquela carinha pidona, não é verdade? Em alguns casos, entretanto, ser bonzinho demais pode fazer mal ao seu cachorro. Tem alguns alimentos que cachorro não pode comer! São 02:30 e você está “descansando”, assistindo a última temporada de Game of Thrones na companhia do seu cachorro (ele preferia estar assistindo discovery channel).  Bate aquela fominha da madrugada e o que tem na geladeira para aplacar? Um cacho de uvas thompson niágara master orgânico! O Toby olha pra você comendo e ameaça latir. Afinal, se você está comendo, com certeza é bom. Pra não correr o risco de acordar os vizinhos, lá se vão algumas uvas pro dog. Ele adora. Lá se vão também mais alguns dias do seu sossego, pra cuidar do cachorro. Como que eu ia saber que uvas são tóxicas? Pensando em situações comuns do dia-a-dia, separamos neste post os 6 alimentos que cachorro não pode comer. Boa leitura!

1. Chocolate

O queridinho da dispensa é o vilão número 1 da nossa lista. É óbvio que os cães adoram, pois eles nunca te viram enfiando chocolate escondido dentro de uma salsicha. Mas essa guloseima contém uma substância chamada teobromina que pode causar vômitos, diarréia, tremores, ataques epiléticos e até a morte.

2. Uvas

Como dissemos no começo do post, as uvas também são muito perigosas para os peludos, pois podem causar falência nos rins. A pior parte é que muitos cães se interessam por uvas, então evite deixá-las em algum local que eles possam pegar. Uvas passas também estão proibidas na dieta dos cães (e no arroz do final de semana – adendo do editor).

3. Café

Tá. Quem em sã consciência já deu café pro cachorro? Ok, você me pegou nessa. Não conheço e nunca ouvi falar, mas como tem louco de tudo quanto é tipo no planeta, resolvemos incluir este item na lista! Todos os estimulantes que contém cafeína são perigosos para o sistema nervoso, urinário e cardíaco do seu cachorro. Lembre-se: Redbull não combina com Pittbull e Cacau não combina com Chow-Chow.

4. Álcool

As situações em que alguém dá álcool ao seu cachorro estão diretamente ligadas às situações onde a pessoa está bem alcoolizada. Só pode ser. Se você quiser ver o seu cachorro um pouco mais feliz, opções como bolinhas, cordas e até uma melhora na dieta (fica a dica) são infinitamente melhores que oferecer bebida pra eles. Intoxicação alcóolica em cães pode deixá-lo em coma ou até levar a morte. Dê a dose pro santo, mas não deixe o Fido lamber..

5. Cebolas

Tá aí o maior motivo pelo qual não recomendamos dar o resto da sua comida para o seu melhor amigo: a gente ama cebola em tudo, mas pra eles não é nada bom. Isso porquê o tiosulfato (não, não é irmão do paisulfato) presente nas cebolas não é digerido pelos cães e ataca as moléculas de hemoglobina, podendo causar anemia.

6. Xilitol

Presente em balas e chicletes, o xilitol pode causar danos hepáticos aos nossos pets. O maior risco de ingestão de xilitol se dá em alimentos dietéticos, já que esta substância é frequentemente utilizada como um adoçante natural e passa despercebida. Não divida com ele a sua dieta, deixe isso com a gente (Jabá). Se você tem dúvidas sobre dar qualquer alimento diferente para o seu cão, temos outro post com uma lista mais completa de alimentos que podem e que não podem ser servidos para os peludos! E a melhor solução: o seu veterinário de confiança!